“Direitos Humanos vai à Escola” reinicia atividades no Bairro Lageado

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, abril 5, 2016 as 15:37 | Voltar

Campo Grande (MS) – O projeto “Direitos Humanos vai à Escola” esteve nesta terça-feira (5) na Escola Thereza Noronha de Carvalho, no Bairro Lageado, para explicar sobre as oficinas temáticas que serão realizadas durante quatro meses com alunos e professores. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), por meio da Superintendência de Direitos Humanos (SUPDH), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SED), o projeto contemplou mais de 600 alunos em 2015 que aprenderam um pouco mais sobre temas como violência doméstica e urbana.

Nessa nova fase, o projeto se estendeu para mais cinco escolas estaduais: Doutor Arthur de Vasconcellos Dias, Amélio de Carvalho Baís, Dolor Ferreira de Andrade, José Maria Hugo Rodrigues e Orcírio Thiago de Oliveira, todas na Capital.

Segundo a superintendente de Direitos Humanos da Sedhast, Ana Lúcia Américo, a meta é alcançar mais alunos. “Nosso objetivo é contemplar mais alunos dentro do meio estudantil e construir junto temas voltados para direitos, deveres e cidadania”, disse a superintendente.

O projeto aborda temas atuais que são vivenciados no cotidiano desses adolescentes despertando a reflexão para a vida cidadã, criando oportunidades, garantias ao acesso à informação e principalmente, orientações independente de gênero, idade, condição social, credo, raça ou religião.

Solange Mori – Assessoria da Vice-Governadoria e Sedhast

Foto: divulgação

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.